Cinema, Cerveja e Pipoca

Assistir um filme no cinema pode ser ainda mais divertido para os cinéfilos que também sejam amantes da cerveja. Em algumas capitais do país, já existem salas com atendimento especializado em refeições mais elaboradas. Muitas delas são verdadeiros restaurantes ou lanchonetes aonde o cinema chega a ser mero um detalhe.

Evidentemente, a melhor cerveja para assistir seu filme favorito é, naturalmente, a sua cerveja favorita; mas se levarmos em conta alguns critérios objetivos no que diz respeito à harmonização em suas “últimas consequências”, chegaremos, na falta da sua favorita, ou no caso da opção por uma nova experiência sensorial, a situações que possam trazer algo a mais à sétima arte. Em tempos de cinema 3D não deixa de ser algo para se animar.

Conheça uma boa amostra de livros sobre cerveja disponíveis para você avançar no mundo da cerveja.

Assim, ao pensarmos nos alimentos clássicos que acompanham as sessões de cinema do mundo inteiro, podemos apresentar algumas sugestões, dentro ou fora do cinema, mas comecemos pela tradicional pipoca, já que ela está mesmo espalhada por todos os lados do planeta.

Para harmonizar cerveja e pipoca, o básico é não abusar da intensidade alcoólica. Uma pipoca pode ser muito salgada ou muito doce, mas ainda assim é bastante leve em termos de elementos gastronômicos.

Pipocas e bombons: boa pedida para acompanhar uma boa cerveja quando no cinema.

Talvez, alguns ainda não tenha tomado notícia sobre as ditas “pipocas gourmet”, mas sim, elas existem. A velha e conhecida pipoca agora pode vir acompanhada de diversos condimentos, dentre eles: caramelo, café, leite, chocolate, alecrim, curry, shoyu, chilli, gengibre, canela, baunilha, nozes, creme de morango, amêndoas, dentre outros. Assim, tomemos alguns estilos e rótulos de cervejas ideais para acompanhar sua pipoca (gourmetizada ou não):

  • Pipoca Doce Tradicional: A tradicional pipoca doce de açúcar harmoniza muito bem com as cervejas que tenham amargor em tosta ou acidez frutada em sua receita. Uma boa cerveja para acompanhar esta pipoca seria uma stout. Experimente com: Fuller’s Black Cab (Dry Stout – 4,5% alc. vol.).
  • Pipoca de Azeite: Essa variação salgada da pipoca harmoniza com cervejas de grande refrescância e leveza. O sal da pipoca requer algo em alguma medida refrescante, o amargor do lúpulo atenua a gordura e o adocicado do malte faz contra-ponto com a salinidade. Quando a cerveja é menos lupulada, como as lager, percebe-se muito mais o malte pelo seu dulçor e, então, o sabor da pipoca fica ainda mais intenso na boca. Uma boa cerveja para acompanhar esta pipoca seria uma session IPA, ou ainda, uma Sour Ale mais suave, como uma berliner, por exemplo. Experimente com: Brucke Passion (Berliner Weisse – 3,2% alc. vol.).

Claro que além da pipoca, podemos pensar na mais vasta gama de alimentos, mas aquele ideal de “finger food” (alimento para ser comido com os dedos) casa como uma luva para uma confortável sessão de cinema.

Cervejas de fazenda: já ouviu falar?

Pensemos aqui, por exemplo, nos bombons e chocolates. Se a sua opção for ter alguns bombons ou chocolates na hora do seu cinema, tente as seguintes opções:

  • Bombom de chocolate branco e fruit lambic ou sour fruit beers: experimente os seguintes rótulos: Delirium Tremens Red (8,5% alc. vol.); Tupiniquim Monjolo Floresta Negra (10,0% alc. vol.); Bodebrown Cerveja do Amor (14% alc. vol.);
  • Bombom de chocolate ao leite e DoppelBock: Paulaner Salvator (7,9% alc. vol.); Augustiner Maximator (7,5% alc. vol.); Bamberg Bambergerator (8,2% alc. vol.);
  • Bombom de chocolate meio-amargo, amargo e/ou maiores teores de cacau e Russian Imperial Stout: Wäls Petroleum (12,0% alc. vol.), Brew Dog Cocoa Psycho (10,0% alc. vol.), Founder’s Imperial Stout (10,5% alc. vol.).

E existem muitas outras opções, mas com essas combinações o divertimento será garantido.