Pub Culture e Cena Cervejeira na Islândia

Aqui no Brasil pouco se conhece sobre a Islândia, um belíssimo país localizado no extremo norte do globo terrestre, que politicamente integra a Europa, mas que geologicamente está parte no continente europeu e parte no continente americano. E esse lindo país fica ainda mais desconhecido quando o assunto são as maravilhosas cervejas que estão sendo feitas por lá, bem como a sua pub culture.

Em parte, é preciso que se diga, isso se deve à própria história do país. Por lá, até os anos 60, vigorou um rigoroso puritanismo e, com efeito, mesmo depois de sua independência da Dinamarca em meados dos anos 40 a cerveja só foi liberada para consumo e produção por volta dos anos 80, pois era considerada uma bebida “Dinamarquesa demais”. Por causa disso, as bebidas alcoólicas e, em especial, a cerveja, têm um elevado custo no país e sair para tomar umas pode causar uma ressaca financeira aos mais desavisados.

Todos esses detalhes interessantes sobre a evolução da produção, consumo e cultura envolvendo a cerveja no país podem ser absorvidos pelo viajante de uma maneira muito agradável pelos diversos tours que existem na capital Reykjavík. Um que fizemos e recomendamos vivamente é o “beer walk tour” pela empresa “The Reykjavik Food Walk“.

Harmonizando a moda Holandesa

Para além disso, selecionamos uma pequena lista de bares e pubs da capital que entendemos refletir bem o que vem sendo feito de bom em cervejaria e cultura cervejeira na Islândia:

  • Skúli Craft Bar

    Skúli (Pub): Lindo visual contemporâneo, meio clássico, meio despojado, com excelente carta de cervejas e ótima localização em Reykjavík. Possui muitas opções on tap e diversos estilos de vanguarda, além de um vasto repertório de cervejas extremas, como por exemplo, alguns exemplares de sours russian imperial stouts e coisas desse tipo, bem como diversas cervejas medalhistas da prestigiada cervejaria islandesa Borg. Possui um excelente atendimento. Se chegar muito cedo, a atmosfera é meio vazia, mas por outro lado, dá para conversar e pedir dicas ao bar-man. Um detalhe interessante é a máquina de arcade do Pac-Man

 

  • Micro-Bar (Bar): Este é um bar bastante concorrido, também com uma vasta carta de cervejas e opções on tap. Neste bar, há uma opção de um flight de cervejas muito bem organizado com uma pequena tarjeta para orientar a degustação. Vale a pena, devido ao preço das cervejas na Islândia. Outra coisa positiva é o fato de ele estar inserido no beer tour e ser muito prestigiado tanto por turistas quanto pelos locais. A grande pedida do bar, até então, era uma bitter inglesa apelidada de Brexit. Uma excelente bitter a um preço ainda mais excelente pelos padrões islandeses.

Conheça aqui a história do dia que uma onda de Porter arrasou Londres…

  • Íslenski Barrinn (Gastro-Pub): Rigorosamente, não é um bar voltado para cervejas, no entanto, possui uma excelente carta combinada com uma excelente cozinha. O ambiente é muito “homie”, acolhedor, e o estilo é casual e clássico. Também faz parte do beer tour e vive lotado! É bom fazer reserva ou chegar muito cedo. Muito boa comida típica preparada ao modo dos gastro-pubs.

 

  • Sæta Svínið

    Sæta Svínið (Gastro-Pub): Muito acolhedor e muito badalado. Lotado! Serve cervejas excepcionais e petiscos no estilo gastro-pub. Ponto forte nos petiscos típicos à base de carne suína. Bem localizado, é um local com muitos turistas em vários ambientes em estilo “lounge”.

 

  • Bryggjan Brugghús Beer Academy

    Bryggian Brugghús (Micro-Cervejaria e Restaurante): É uma micro-cervejaria que recebe visitantes, desde que previamente agendado. O restaurante é um ambiente moderno e calmo, sendo uma excelente opção para almoço. Uma sugestão para visitantes brasileiros é o fish and chips de bacalhau fresco acompanhado do flight de cervejas da casa. Aqui no Brasil, nós só estamos acostumados a consumir o bacalhau salgado. No norte da Europa é possível consumi-lo fresco, o que realmente é muito interessante.

Essas são apenas algumas sugestões para os amantes da cerveja que pretendem visitar a capital da Islândia. Existem muitas outras opções e passeios relacionados à cerveja, mas sem dúvidas os viajantes que se programarem para ir nestes locais não irão se arrepender.